30 nov

#experimentei – Garam Massala, um lactovegeriano saborosíssimo em São Paulo

No coração do bairro da Vila Olímpia, em São Paulo, as sócias do Garam Massala, Camilla Rauch e Rosana Piacenco, donas do restaurante lactovegetariano preferido da modelo e apresentadora Ellen Jabour em São Paulo, criaram um espaço delicioso de comidas e receitas lactovegetarianas com toque indiano e preços muito em conta. No cardápio, delícias como strogonoff com lâminas de soja, panqueca com recheio de soja, entre outras receitas, temperadas com especiarias da culinária indiana dão um toque diferente e inusitado aos pratos vegetarianos.

IMG_0628

(Crédito – Renata Gimenes) – Feijoada vegana

O restaurante está há 10 anos em São Paulo, mas ganha força agora com mais adeptos ao vegetarianismo e veganismo. E uma receita bem conhecida do local é o Pastel Mexicano, que é servido todas as sextas-feiras. Ele é uma explosão de sabores que vem aberto e traz carne de soja moída, azeitonas, tomate, alface, guacamole, chedar, tutu de feijão, mussarela ralada e cebola grelhada no barbecue.

O Garam Massala é pequeno e comporta 56 lugares, mas é muito aconchegante! Bem gostoso de viver uma experiência saudável, saborosa, em local diferenciado.

Garam Massala significa temperos quentes e, na Índia, é uma mistura construída de forma diferente por cada família. No restaurante, o tempero traz uma mistura com 12 condimentos diferentes, com um sabor sem igual. O Garam Massala faz adaptações do cardápio para veganos.

IMG_0633

(Crédito – Renata Gimenes) – Objetos a venda

As sócias apostam na alimentação sem carne por inúmeros benefícios a saúde. E numeram algumas das qualidades dessa alimentação:

1. É mais saudável. Todas as carnes, mesmo as mais magras, têm gordura. Fora isso, sabe-se que são usados muitos aditivos químicos para evitar doenças nos próprios animais e também para acelerar crescimento e engorda. “A indústria da carne é cara e nada saudável”, aponta Camilla.
2. Se o mundo não produzisse tanta carne, poderia produzir infinitamente mais grãos. No espaço ocupado por fazendas de gado de corte, poderiam ser produzidos milhares de toneladas de grãos.
3. Muito espaço é desmatado para dar lugar a fazendas de gado. Ou seja, a alimentação carnívora também é, em grande parte, responsável pelo desaparecimento de florestas ao redor do mundo.
“Poderíamos ficar aqui enumerando razões, porque realmente acreditamos que o futuro é da alimentação vegetariana”, explica Rosana, que ainda completa: “mas sabemos que a realidade está mudando, cada vez de maneira mais acelerada”. Ela lembra que, quando abriram o restaurante, há 10 anos, ser vegetariano era estar restrito a alguns grupos de pessoas: “hoje, temos fila de espera, muitas vezes, para experimentar nossos pratos, que provam que a alimentação sem carne pode ser incrivelmente saborosa”, confirma.
Há também espaço para vendas de objetos indianos e comidas e especiarias veganas e indianas.

IMG_0630

(Crédito – Renata Gimenes) – Objetos a venda no Garam Massala.

Serviço
GARAM MASSALA
Endereço: Rua Fidêncio Ramos, 39 – Vila Olímpia, São Paulo/SP
Telefone: +55 11 3848-9486
Lugares: 56
Aceita reservas: não
Horário de funcionamento: das 12h às 15h
Ticket médio: de R$29 a R$33
Formas de pagamento:  Visa, Redecard , Visa Vale, Sodex, e Ticket Restaurante Eletrônico.
Site: http://www.garammassala.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Please type the characters of this captcha image in the input box

Por favor, digite os caracteres desta imagem na caixa de entrada